Linux Foundation investe em cursos de formação para programação na nuvem, automação e desenvolvimento ágil

Profissionalmente, muitos programadores Linux são apenas isso: programadores. Mas o seu papel está mudando, segundo a Linux Foundation, que justamente por isso decidiu expandir as opções de formação que disponibiliza para ajudá-los. A organização acrescentou dois cursos no seu programa, o OpenStack Cloud Architecture e o Deployment and Linux Enterprise Automation.

Linux-Foundation

Os profissionais de Linux estão trabalhando cada vez mais com sistemas em cloud computing, tecnologias de automação, e em ambientes de desenvolvimento ágil. Os cursos foram adicionados para refletir essas alterações, disse Amanda McPherson, vice-presidente de marketing e de programas para programadores na organização.

Outrora os programadores podiam concentrar-se em obter requisitos, escrever seus os próprios “scripts”, trabalhando sozinhos. Hoje, trabalham muitas vezes no desenvolvimento e montagem de serviços, em colaboração com fornecedores cloud computing externos, utilizando ferramentas de automação.

Hoje “são muito mais orquestradores do que mecânicoe”, disse McPherson.

A formação inclui o domínio de ferramentas de automação, como o Puppet e a Spacewalk (um sistema de gestão), disse McPherson. Cerca de 20% do trabalho do curso envolve as aptidões das pessoas, e formas de como trabalhar com comunidades colaborativas.

Fonte: BR-Linux.

Compartilhe