Nova versão do Galaxy Note 2 terá o mesmo processador do Galaxy S4

Semanas antes de lançar sua nova geração de foblets, a Samsung anuncia um “update” nos componentes do Galaxy Note 2. A diferença é simples, mas potente: um processador Snapdragon 600; o mesmo utilizado no Galaxy S4. O novo chip, que também traz compatibilidade às redes 4G, é mais potente que a versão com processador Exynos quad-core, vendida no Brasil.

galaxy_note_2

O novo processador que equipa o Galaxy Note 2 é um Snapdragon 600 de 1,9 GHz, com 2 GB de memória RAM. O display é o mesmo, de 5,5 polegadas Super Amoled HD, mas a versão do Android mudou, já que agora sairá de fábrica com a edição 4.2.2, além da interface Nature UX, também presente no Galaxy S4.

Esta nova versão do Note 2 será lançada na China, e ainda não há comentários oficiais sobre um possível lançamento mundial.

Fonte: Techtudo.

Compartilhe

Samsung é acusada de inflar benchmarks do Galaxy S4; empresa nega

Hoje em dia uma forma prática de testar as capacidades de um determinado dispositivo e compará-lo com os concorrentes é através dos benchmarks, programas de testes dos recursos de smartphones, gadgets e computadores que apesar de não mostrar o resultado num caso de uso real, ainda costuma ser uma forma prática de decidir qual equipamento adquirir.

20130731galaxy-s4

Segundo o Anandtech a Samsung se aproveitou disso, fazendo com que o sistema do Galaxy sabotasse os testes inflando em até 11% a capacidade do aparelho durante o benchmark. A Samsung nega as acusações de manipulação.

Fonte: Meio Bit.

Compartilhe

Explosão de Galaxy S4 causa destruição em apartamento

Há duas semanas choveram piadas de fãs da Samsung sobre o trágico acidente envolvendo um iPhone que culminou na morte de uma chinesa de 23 anos, vítima de eletrocussão. Mas parece que a sul-coreana também não fica longe, quando o assunto são desastres envolvendo smartphone. A imprensa de Hong Kong noticiou que o aquecimento de um Galaxy S4 fez com que um apartamento inteiro fosse destruído por fogo.

imagem.php

Um homem identificado como senhor Du estava jogando quando o aparelho ficou sem carga. Ele, então, colocou o S4 para carregar e continuou, mas o celular explodiu. Surpreso, Du jogou o S4 para longe, mas ele caiu no sofá, que se queimou e ajudou a espalhar o fogo pelo apartamento.

Nem Du, que tem 47 anos, e nem sua esposa, Yujiu, saíram feridos, e eles ainda conseguiram tirar os cachorros de casa. Em depoimento, o chinês afirmou que bateria e carregador eram originais, e que comprou o smartphone há cerca de um mês. A Samsung disse que fará uma investigação paralela à das autoridades para descobrir a causa do acidente.

20130730085334

Fonte: Olhar Digital.

Compartilhe

Apple não consegue incluir Galaxy S4 em processo contra Samsung

A Apple sofreu uma derrota jurídica na batalha de patentes contra a rival Samsung. A empresa de Cupertino não conseguiu incluir o Galaxy S4, novo smartphone top de linha da concorrente, na lista de produtos que supostamente infringem a propriedade intelectual da empresa.

20130314141823

A decisão, tomada na quarta-feira, 26, pela justiça americana, como parte de um segundo caso entre as duas companhias, que inclui novos dispositivos como o Galaxy S3 e o iPhone 5.

O juiz Paul Grewal diz que a inclusão de produtos demanda recursos e tempo da corte, o que toma tempo de outros assuntos necessários.

Segundo a Bloomberg, o advogado da Apple, Josh Krevitt, tentou argumentar com o juiz que a não-inclusão do Galaxy S4 no processo obrigaria a empresa a abrir outra ação judicial.

O caso entre as duas empresas está longe de acabar. A indenização de US$ 1 bilhão que a Samsung deveria pagar à Apple foi reduzida para US$ 640 milhões após um erro do júri em alguns dos quesitos. Um novo julgamento está marcado para novembro para reavaliar estes pontos, podendo elevar o valor para acima da marca US$ 1 bilhão ou, até mesmo mantê-lo em US$ 640 milhões.

Fonte: Olhar Digital.

Compartilhe

O mais rápido do Leste: Samsung lança Galaxy S4 com LTE-A e processador Snapdragon 800

A SK Telecom da Coréia do Sul inaugurou esta semana sua nova rede LTE-Advanced, com velocidade de downloads até 150 Mbit/s. Não são os prometidos 300 Mb/s do 5G LTE da T-Mobile, mas tá valendo e muito.

20130626galaxy_s4_lte-a

A Samsung foi a escolhida para demonstrar a nova rede, e apresentou uma nova versão do Galaxy S4 (sim, mais uma), desta vez com suporte a redes LTE-A. O novo S4 também ganhou um processador Snapdragon 800 da Qualcomm e tem receptor para TV digital DMB, para os coreanos acompanharem o seu time na Copa do Mundo.

Os felizes usuários da SK Telecom já podem acessar a web com praticamente o dobro da velocidade do 4G LTE nos Estados Unidos, mas o plano da operadora é muito mais ambicioso, atingir até 500 Mb/s em 2015, segundo a CNet.

Fonte: Meio Bit.

Compartilhe

iPhone 5, Galaxy S4 e BlackBerry Q10 ganham versões de luxo em ouro

O que mais um smartphone top de linha atual precisa ter? Para a empresa Goldgenie, um toque de pedras preciosas. A companhia lançou versões de luxo, com ouro e diamantes, do iPhone 5, do Galaxy S4 e do BlackBerry Q10. Com visual elegante e requintado, mas preço bem acima da média, o trio está disponível no site da “fabricante”.iphone

O iPhone 5 é o mais caro e customizado do trio. O smartphone da Apple está disponível em dois modelos, a Gold Superstar, com 200 gramas de ouro 18 quilates, e a Gold Superstar Ice, que ainda tem 364 diamantes cravejados. O primeiro custa “apenas” £48 mil (cerca de R$ 190 mil), enquanto o segundo sai pela “bagatela” de £68 mil (R$ 250 mil).

Ambos vêm em caixas de mogno personalizadas, com certificado de autenticidade, além de todo o conteúdo que acompanha uma versão comum do aparelho, como os earpods da Apple, cabo USB, carregador, manuais e etc. Em breve, a empresa promete uma nova edição do iPhone 5 de luxo, mas feita com safiras.
galaxy-s4-ouro

Já o Samsung Galaxy S4, em sua edição quad-core, recebeu um “banho de ouro”, mas não tem tantos atrativos quanto o iPhone e, por isso, também custa bem menos: £1700 (cerca de R$ 5,5 mil).blackberry-q10-ouro O BlackBerry Q10, por sua vez, tem parte externa feita com ouro 24K e vem em uma caixa de madeira, custando £1597 (R$ 5 mil aproximadamente).

Fonte: Techtudo.

Compartilhe

Galaxy S4 ganha clone chinês, com reconhecimento de gestos incluído

Samsung Galaxy S4 comemora dois meses de vida, mais de 10 milhões de unidades vendidas mundialmente e como presente ganha o seu primeiro clone: o Nº 1 S6. O xing-ling chinês criado pela empresa Nº 1 possui design idêntico ao top sul-coreano e traz ainda recursos como Smart Pause, Hover Touch e reconhecimento de gestos.

s6

De acordo com o blog chinês “GizChina” o recurso de reconhecimento de gestos do S6 está limitado para atender, rejeitar ou silenciar ligações indesejadas. No quesito hardware não há inovações: o modelo traz um processador MKT6589 quad-core de 1 GHz, característico dos clones chineses, com 1 GB de RAM e 4 GB de espaço para dados.

O display não é um Super Amoled Full HD, mas sim um painel IPS de resolução 720p com 5 polegadas e promessa de belas imagens e ângulos visão oblíquos. O modelo traz ainda uma câmera digital traseira de 13 megapixels e outra frontal de 3 megapixels, com selo xing-ling de qualidade.

O S6 poderá ser encontrado nas cores azul e branca, entretanto ainda não há previsão de início das vendas do aparelho. O preço? Especula-se que o modelo será vendido a cerca de 800 yuan ou R$ 260, em conversão direta. Vale lembrar que com a decisão da Anatel de coibir o uso de modelos não certificados, é bem provável que o aparelho não vá funcionar em território nacional.

Compartilhe

Pré-venda do S4 começa neste sábado em SP

São Paulo – A Samsung confirmou o início da pré-venda de seu mais avançado smartphone, o Galaxy S4, no Brasil. De acordo com a fabricante, o dispositivo será vendido no país por 2.499 reais em sua versão 4G e estará à venda, por enquanto, em lojas físicas espalhadas por São Paulo.

Segundo a Samsung, consumidores interessados em serem os primeiros a adquirir o sucessor do Galaxy S III poderão encontrá-lo nos shoppings JK Iguatemi e Iguatemi, além das lojas da marca no Shopping Villa-Lobos, Eldorado, Pátio Higienópolis e Bourbon. A fabricante não informa ao certo, mas revelou que poucas unidades do dispositivo estarão disponíveis neste primeiro momento.

Quem não tiver sucesso na aquisição, contudo, poderá ficar tranquilo. A pré-venda antecede a chegada oficial do dispositivo ao país, que acontece no próximo dia 30 de abril, data na qual o Galaxy S4 será lançado por aqui. Espera-se que, logo em seguida, o smartphone desembarque nas prateleiras em todo o país.

Galaxy S4 - O novo smartphone topo de linha da Samsung foi anunciado no último dia 14 de março, em um evento em Nova York. O dispositivo apresenta novidades em relação à sua geração anterior, como, por exemplo, um display maior que conta 5 polegadas, ao invés das 4,8 polegadas do Galaxy S III.

Além do display, outro destaque do smartphone é o seu conjunto de câmeras. O aparelho vem equipado com duas, uma traseira de 13 MP e uma frontal de 2 MP. Um recurso interessante oferecido por elas é a possibilidade de serem usadas, de forma simultânea, para a captura de vídeos e realização de vídeochamadas.

Fonte: info

Compartilhe

Galaxy S4: truque ou inovação?

A Samsung não poupou esforços para anunciar seu novo smartphone de ponta, o Galaxy S4. Na noite de quinta-feira (15), no palco de um teatro de Nova York, o que se viu foi uma apresentação com requintes de musical. Uma dezena de atores, alguns deles bastante conhecidos no circuito da Broadway, se intercalaram em diferentes papéis para apresentar as novidades do aparelho. Cenários bem produzidos reproduziam pontos famosos de cidades como Paris e Rio de Janeiro. Houve até um pequeno número de sapateado. Não foram só os jornalistas convidados para a cerimônia que puderam ver o lançamento. O show foi transmitido ao vivo pela internet, onde 450 mil pessoas acompanharam o anúncio.

O clima grandioso foi à altura da expectativa em torno do novo smartphone. Seu antecessor, o S3, foi um sucesso de crítica, se tornou o celular mais vendido do mundo e elevou a reputação da fabricante coreana ao trazer funções inovadoras. Cabia ao S4 surpreender o público da mesma forma e sustentar o bom momento da Samsung no mercado de celulares. A julgar pelo que foi visto, o smartphone tem boas chances de conseguir isso.

É no software que o S4 mais se diferencia da concorrência. O smartphone é capaz de fazer a tradução entre 9 idiomas, inclusive o nosso português. A câmera capta até 100 imagens de uma vez e reune as diferentes partes de um movimento numa única foto. É controlado por comandos de voz enquanto se dirige e permite reproduzir um vídeo ou imagem entre diferentes S4. O smartphone ainda se consolidou como o que melhor usa a câmera frontal. O S3 podia ser desbloqueado ao reconhecer a face do dono e não entrava em modo de espera se ele estivesse olhando para a tela. O S4 agrega outras funções como controlar o sobe e desce de uma página da internet com os olhos e colocar as imagens da câmera frontal e traseira em uma mesma foto. Ele ainda pausa um vídeo automaticamente quando reconhece que o espectador está olhando em outra direção.

Após o fim do espetáculo, ficou a dúvida se essas novidades são inovações ou meros truques. Pense no sistema de tradução. Parece ser um grande avanço, mas funciona de verdade? Nada falhou no show de ontem porque nada ali foi testado ao vivo. Tudo foi roteirizado, ensaiado ou gravado. As novas funções podem ter um bom desempenho ou se revelar imperfeitas. Os jornalistas presentes no teatro testaram brevemente o aparelho e já encontraram alguns defeitos, que ainda podem ser resolvidos antes do S4 chegar ao mercado. Também ainda está em aberto se se as novas funções serão de fato usadas por consumidores. O reconhecimento facial do S3 é um exemplo. Foi uma novidade, mas muita gente ainda acha mais prático usar uma senha para proteger o aparelho.
samsang_galaxys4

O S4 chegará às lojas de 155 países no fim de abril (no dia 26 no Brasil, a R$ 2.399 na versão 3G e R$ 2.499 na 4G). Aí se confirmará se o novo aparelho representa realmente um avanço no mercado de smartphones ou uma oportunidade perdida pela Samsung para se consolidar de vez como a mais inovadora empresa desse mercado. Por enquanto, só temos como avaliar o que foi apresentado no palco de Nova York, sob as luzes da Broadway, sempre mais afeitas à fantasia e à ilusão do que a mostrar a realidade.

Compartilhe