Transforme o seu celular Android em webcam sem fio na plataforma Linux

Utilizar o celular como dispositivo de vídeo captura, traz o benefício econômico (dispensa a necessidade de comprar uma webcam), como também podemos utilizar o aparelho telefônico como uma câmera sem fio e totalmente transparente ao sistema operacional.
thumb_droidcam01
Imagine durante uma vídeo conferência no Skype, você simplesmente carregar o seu telefone de um lado e para o outro e transmitindo ao vivo a imagem. Processar em tempo real com visão computacional no servidor, as imagens do celular enquanto caminha. Efetuar o reconhecimento facial na multidão com processamento no desktop como se fosse uma webcam.

O objetivo deste documento não é trazer aplicabilidades para este recurso. Então fica a cargo de sua imaginação do que fazer com um dispositivo sem fio transmitindo vídeo ao vivo para o seu sistema operacional GNU/Linux.

Fonte: vivaolinux

Compartilhe

FreeBSD vai seguir a trilha das distribuições Linux para suportar o UEFI Secure Boot

Marshall Kirk McKusick foi desenvolvedor do BSD original na década de 1980, é o detentor do copyright sobre o mascote Beastie, ainda hoje participa ativamente do desenvolvimento do seu descendente FreeBSD, e confirma: para atingir a meta de permitir que o FreeBSD seja instalável em dual boot com o Windows 8 em máquinas com UEFI secure boot, o projeto vai seguir a trilha já aberta pelas distribuições Linux, e até mesmo aproveitar o mesmo código, embora assinado com seu próprio certificado.

linuxfree

Conseguir que a Microsoft homologue o seu certificado e a grande incógnita do processo, pois o procedimento não é dos mais transparentes, e o próprio Kirk tem dúvida se ela está interessada em suportar mais algum sistema operacional, agora que pode apontar para o exemplo de distribuições Linux e dizer que já há suporte externo ao Secure Boot com Windows 8. Mas eles vão tentar, mesmo assim.

Fonte: BR-Linux.

Compartilhe

Debian 7.1: Atualização de Segurança

O projeto Debian recentemente disponibilizou o Debian 7.1, uma atualização para a versão lançada em Maio deste ano corrente de 2013, do último branch estável desta distribuição Linux, o Debian 7 (codinome “Wheezy”). A atualização está focada principalmente nas correções de segurança, abrangendo os 33 Debian Security Advisories e suas correções associadas. Os usuários que efetuam atualizações dos seus sistemas Debian de forma regular – através do security.debian.org – já terão acesso imediato para essas correções. Também vem embarcado várias “correções importantes” para um totall de 60 pacotes como o alsa-base, apt, cyrus-imapd, empathy, isc-dhcp, Keystone, LibreOffice, libvirt, openvpn, php5, readline, tzdata e xorg.

debian-logo

Detalhes completos sobre quais pacotes foram alterados você encontra no change log do Debian 7.1. Como usual, os desenvolvedores do Debian lembram seus usuários que os mesmos não precisam se desfazer de seus CDs ou DVDs, já que efetuar uma atualização através de um mirror atualizado após a instalação já terá presente todas as correções propostas para o Debian 7.1 embarcadas no seus sistemas. As imagens para uma nova instalação já estão disponíveis. A versão 7.1 já pode ser baixada como imagens para instalação via rede e como torrents, ou mesmo as imagens completas para CD e DVD.

Fonte: Under-Linux

Compartilhe

Cidade alemã pretende distribuir CDs de Linux para prevenir lixo eletrônico pós-XP

Com o fim do suporte da Microsoft ao Windows XP, o Conselho Municipal de Munique, na Alemanha, teme que milhares de computadores ainda em condições de operação, mas incompatíveis com o Windows 7 ou posteriores, virem lixo eletrônico – e para prevenir este fim, vai distribuir CDs com Linux aos cidadãos.

pingui_linux

A proposta está em fase inicial de aceitação, e considera distribuir 2.000 CDs do Lubuntu em eventos especiais no início do próximo ano, às vésperas do apagar das luzes do XP.

As principais razões da escolha pelo Lubuntu são o layout similar ao do Windows a ponto de dispensar habilidades especiais, na opinião dos proponentes, e os requisitos modestos de hardware. O custo estimado do projeto, incluindo mídias e material impresso, é €4000. (via omgubuntu.co.uk – “German City Hopes to Wean Citizens Off Windows XP With Free Linux CDs | OMG! Ubuntu!”)

Fonte: BR-Linux.

Compartilhe

Nasa migra computadores do Windows para Linux

A Nasa, agência espacial americana, decidiu migrar os sistemas dos computadores da Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês) do Windows para Linux. O objetivo, diz a agência, é ter um sistema operacional confiável, com bom desempenho e de baixo custo.

Segundo a Linux Foundation, a ideia da Nasa de mudar o sistema das máquinas não é nova. Mas só agora a migração foi colocada em prática.

nasa-20130509164830

A Nasa acredita que os funcionários precisam de um sistema estável e confiável que possa ser modificado conforme as necessidades. Além disso, considera difícil ter suporte técnico a quase 400 quilômetros da Terra, onde está a ISS.

Os astronautas da ISS e funcionários da área de TI usarão computadores portáteis com Debian 6, codinome “Squeeze” da distribuição comercial livre do Linux.

A Nasa firmou uma parceria com a Linux Foundation para criar dois cursos e, assim, introduzir o Linux aos astronautas e ensinar como desenvolver aplicações para o sistema. Apesar de já estar confirmado o uso do Debian 6, as formações irão preparar os funcionários para várias distribuições, como Scientific Linux.

Além dos equipamentos pessoais dos astronautas, o Linux será o sistema operacional do robô Robonaut (R2), projetado para assumir determinadas tarefas dos astronautas. A Nasa acredita que a capacidade do Linux ajudará os desenvolvedores a garantir que o R2 possa ser produtivo na ISS.

Fonte: Info.

Compartilhe

ZFS on Linux: Pronto para Implantação em Larga Escala

De acordo com o desenvolvedor Brian Behlendorf, a versão 0.6.1 do port nativo ZFS on Linux já está disponível. Depois de mais de dois anos em estado experimental, os desenvolvedores agora dizem que o sistema de arquivo “está pronto para implantação em larga escala em tudo, desde desktops até super computadores”. Os ZFS nativos em Linux são baseados na Solaris Porting Layer (SPL), que emula características subjacentes do Solaris no kernel do Linux.

Em contraste para a implemtação FUSE (Filesystem no userspace) do ZFS, o port nativo proporciona melhor desempenho, através da aplicação do sistema de arquivos como um módulo do kernel. Além de uma série de correções de bugs que foram realizadas, o ZFS on Linux 0.6.1 inclui uma propriedade snapdev que controla a visibilidade de dispositivos instantâneos zvol.

Fonte: underlinux

Compartilhe

Microsoft é acusada de dificultar a utilização do Linux na Europa

A relação entre a Microsoft e os adeptos de sistemas operacionais de código aberto não é das mais amistosas. Para piorar essa situação, a empresa dona do Windows foi acusada por um grupo espanhol — intitulado como Hispalinux — de dificultar a utilização do Linux e outros softwares do gênero em computadores europeus.

Segundo o documento enviado pelo grupo para a Comissão Europeia, essa obstrução de sistema operacional acontece em computadores vendidos com o Windows 8, por conta do recurso de segurança chamado UEFI Secure Boot. A ferramenta “controla” alguns processos do sistema enquanto ele é ligado, interferindo na utilização de softwares Linux.

O UEFI Secute Boot pode ser desativado manualmente caso o dono do computador deseje fazer isso. No entanto, essa decisão pode prejudicar o funcionamento da máquina — além de ser um incômodo bastante desnecessário para quem deseja trocar o sistema do seu próprio PC.

E as consequências?

Ainda não se sabe qual vai ser o resultado desta manifestação, mas é muito provável que algo de peso aconteça, já que a Hispalinux representa cerca de 8 mil usuários de sistemas de código aberto. Apesar disso, nem a Microsoft e nem a Comissão Europeia chegaram a comentar algo sobre o assunto.

62871086426152241

Também vale lembrar que a companhia do Windows foi multada pela União Europeia no começo deste mês por quebrar o compromisso de oferecer diferentes opções de navegadores no seu sistema — e o valor não foi baixo, já que ela foi obrigada a pagar R$ 1,4 bilhão como forma de punição disciplinar.

Fonte: tecmundo

Compartilhe

Microsoft é acusada de impedir instalação do Linux

A Hispalinux, associação espanhola que representa usuários de softwares abertos, está processando a Microsoft por truste. Segundo a organização, que conta com mais de 8 mil membros, a companhia dificulta a instalação do Linux em computadores com o Windows 8.

A acusação diz que o sistema operacional contém um mecanismo de obstrução chamado UEFI Secure Boot, que controla a inicialização do computador e faz com que o usuário tenha que procurar por chaves da Microsoft para instalar outro sistema operacional.

“Isso é absolutamente anti-competitivo”, disse Jose Maria Lancho, advogado da Hispalinux, à Reuters. “É realmente ruim para o usuário e para a indústria de softwares da Europa.”

O UEFI Secure Boot é um mecanismo de segurança do Windows 8 que permite rodar apenas sistemas operacionais com certificado de confiança. Ele pode ser desativado nas configurações de firmware. Além disso, a Linux Foundation fornece recursos para rodar sistemas operacionais baseados no Linux sem a necessidade de desativar a ferramenta.

A União Europeia tem um histórico de processos contra a Microsoft. No início de março a companhia foi condenada a pagar R$ 1,4 bilhão por quebrar termos de acordo anterior em que se comprometia a oferecer opções de navegador em seu sistema operacional, o Windows.

Fonte: olhardigital

Compartilhe