Microsoft encerra suporte gratuito ao Windows 7

A Microsoft encerrou, nesta terça-feira, 13, o suporte gratuito ao Windows 7. Com isso, usuários que possuam o sistema operacional em seu computador não terão suas máquinas quebradas ou interrompidas, porém, isso significa que caso você tenha problema com o Windows 7, a Microsoft não vai mais oferecer soluções gratuitas e nem novas ferramentas serão adicionadas.

Vale frisar, no entanto, que pacotes de segurança continuarão sendo lançados até 2020, quando o suporte ao Windows 7 será totalmente descontinuado. A medida é claramente uma estratégia para migrar os usuários do Windows 7 ao Windows 8, já que o Windows 10 deve ser lançado ainda em 2015.

No entanto, fica a dúvida de por que a empresa não escolheu encerrar o suporte gratuito ao Windows Vista, que é mais antigo, e não o 7. Alguns afirmam que é por conta da recente troca das empresas do Windows XP pelo Vista, logo após o fim do suporte ao XP.

O Windows 7 foi lançado em 2009 e vendeu cerca de 100 milhões de cópias em seis meses. Atualmente, ele ainda é o software mais popular da Microsoft, ficando acima do Vista e do Windows 8.

Fonte: Olhar Digital

Compartilhe

Linux entra na briga de sistemas operacionais para carros

Desenvolvido em conjunto com a Linux Foundation, o Automotive Grade Linux (AGL) é um sistema operacional para carros, assim como o Carplay, da Apple, e o Android Auto, do Google, mas com código aberto.

Com ele, as fabricantes poderão criar outras interfaces sem que isso atrapalhe a compatibilidade entre diferentes marcas de veículos. A plataforma é baseada no Tizen In-Vehicle-Infotainment (IVI), cuja principal desenvolvedora é a Intel.

A interface é feita em HTML5 e Javascript, padrões abertos já usados em computadores, além dos sistemas Android, o que também facilita a compatibilidade. Entre os parceiros do projeto estão a Toyota, Honda, Nissan, Hyundai, Jaguar e Renesas, fabricante de chips automotivos.

Seu funcionamento é diferente dos sistemas de Apple e Google, que atuam como interfaces distintas rodando sobre os sistemas proprietários dos fabricantes e dependem de smartphones.

Um álbum com imagens do sistema operacional da Linux em funcionamento está disponível aqui e a primeira versão já foi lançada. Agora depende do ritmo de adesão das montadoras.

Fonte: Olhar Digital

Compartilhe

Confirmado: Playstation 4 roda mesmo o kernel do FreeBSD

Já tínhamos antecipado e depois uma entrevista com um representante da Sony confirmou, mas agora uma screenshot dos créditos do sistema, postada no Reddit, tornou tudo mais visível:

A escolha de componentes do FreeBSD pela Sony para mim faz bastante sentido: a licença é permissiva, o sistema conta com um modelo sólido de multitarefa (incluindo as modificações oriundas do Darwin), e – ao que tudo indica mas ninguém confirmou – a empresa já tem bastante experiência com a família BSD nos bastidores de aplicações de entretenimento devido ao sistema operacional nativo do PS3, que alguns dizem descender do FreeBSD ou de outros descendentes do BSD. (via news.softpedia.com – “It’s Official, Playstation 4 Runs FreeBSD Kernel”)

Fonte: br-linux

Compartilhe