Xiaomi compra patentes da Microsoft e leva Skype e Office aos seus smartphones

A Microsoft concordou em transferir algumas de suas patentes para a Xiaomi, integrando os planos da fabricante de smartphones chinesa de entrar no mercado norte-americano e avançar em outros.

O acordo entre a Xiaomi e Microsoft também cobre o uso do Microsoft Office e Skype em smartphones Android e tablets da companhia chinesa, de acordo com um comunicado enviado pela Microsoft nessa terça-feira.

Segundo informações do Wall Street Journal, a Xiaomi comprou cerca de 1.500 patentes da Microsoft e ainda está assinando um licenciamento cruzado para outras patentes da empresa de Redmond.

“Expandir a parceria entre Xiaomi-Microsoft: novo acordo para Office & Skype pré-instalados, licença cruzada IP e acordo de transferência de patente”, escreveu o vice-presidente da Xiaomi, o brasileiro Hugo Barra, em sua página no Twitter.

No entanto, ainda não ficou claro se a Microsoft vendeu patentes relacionadas ao Android para a Xiaomi.

“Imagino que a Microsoft gostaria de manter suas patentes Android, e provavelmente não as venderia”, disse Bryan Ma, vice-presidente da consultoria IDC.

“De qualquer forma, a Xiaomi está tentando construir seu portfólio de patentes, particularmente para ajudar seus esforços internacionais, então isso soa como um ótimo impulso”, disse Ma. O acordo também dá ao ecossistema da Microsoft mais usuários em potencial, algo que tem se tornado cada vez mais importante para a companhia do que o Windows.

De acordo com analistas, a companhia chinesa tem mirado o mercado americano há um tempo, mas aparentemente resistiu devido a preocupações sobre processos por infração de patentes, que se tornaram uma parte relativamente comum às fabricantes de smartphones para manter suas rivais fora do lucrativo mercado americano. A entrada da Xiaomi na Índia, por exemplo, resultou em um processo por infração de patentes movido pela Ericsson.

Sob o acordo com a Microsoft, que se inicia a partir de setembro, aparelhos Android Xiaomi, incluindo o Mi 5, Mi Max, Mi 4s, Redmi Note 3 e Redmi 3, virão com os seguintes aplicativos pré-instalados: Microsoft Word, Excel, PowerPoint, Outlook e Skype. Ofertas específicas devem variar de acordo com o aparelho e operadora. Segundo a Microsoft, o acordo também cobre o Windows 10 para o Mi Pad e o Microsoft Azure alimentando o serviço Mi Cloud.

A Microsoft assinou com um grande número de fornecedores de smartphones Android para o seu programa de licenciamento de propriedade intelectual que os protege de processos por violação de patentes. A companhia assinou mais de 1.200 acordos desde que o lançou em dezembro de 2003.

Fonte: IDGNow

Compartilhe

Ministro defende regulação de serviços como WhatsApp e Netflix

O ministro das Comunicações, Ricardo Berzoini, defendeu nesta quarta-feira (19) a regulação de serviços de internet que competem com os serviços de telecomunicações regulados pela legislação brasileira. Para ele, é preciso resolver as “assimetrias regulatórias e tributárias” e dar “tratamento equânime” a serviços de telecomunicações e os serviços chamados “Over the Top”, como Skype, Netflix, You Tube, WhatsApp.

“É preciso encontrar uma maneira – que não é fácil, porque são serviços que se apoiam na rede mundial de computadores – para regular algumas atividades que atuam à margem da lei, por exemplo, aplicativos que fornecem chamadas de voz sem serem operadoras”, afirmou.

Berzoini participou de audiência pública sobre a baixa qualidade dos serviços de telefonia fixa e móvel e de internet no País, promovida pelas comissões de Defesa do Consumidor; e de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática; e pela Comissão Especial de Telecomunicações da Câmara dos Deputados.

Segundo o ministro, as operadoras de telefonia, que têm muitas obrigações regulatórias e poucas oportunidades de prestar serviços diferenciados, geram emprego e investimentos no Brasil. Já as empresas de internet estrangeiras, que ofereceriam serviços supostamente gratuitos em troca de dados do usuário, não gerariam empregos no País. “Esse tipo de serviço subtrai empregos do povo brasileiro”, afirmou. “O setor de telecomunicações tem que ter viabilidade econômica de médio e longo prazo. E, se os serviços de internet passarem a competir e subtrair receitas, evidentemente que teremos daqui a 10 ou 15 anos dificuldades grandes de infraestrutura no País.”

Na visão do ministro, a discussão de um marco regulatório para os serviços “Over the Top” deve ocorrer em âmbito nacional e internacional. A União Europeia, por exemplo, já debate o assunto. “É uma questão difícil, em que existem interesses conflitantes”, apontou.

Conforme Berzoini, o Marco Civil da Internet (Lei 12.965/14), aprovado pelo Congresso Nacional no ano passado, é um avanço, mas não é suficiente para regular os novos serviços. Já o presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), João Rezende, afirmou que hoje a agência não tem competência para regular aplicativos de internet.

O ministro defendeu ainda a atualização da Lei Geral de Telecomunicações (9.472/97), para que o modelo seja centrado na banda larga, e não na telefonia fixa, como o modelo atual. “A telefonia celular e a internet estavam só começando em 1997. Hoje há convergência dos serviços, e o telefone fixo não é mais objeto de desejo de ninguém.”

Banda larga

Ele informou que o governo está finalizando a nova fase do Programa Banda Larga para Todos e deve lançá-lo “em breve”. Berzoini não quis, porém, se comprometer com datas. A previsão era lançar o programa no primeiro semestre do ano. O ministro reafirmou que a meta do programa é expandir a banda larga para 300 milhões de acessos e aumentar a velocidade média da banda larga para 25 Mb/s (Megabits por segundo) até 2019. Atualmente, a velocidade média de acesso à internet no Brasil é 6,8 Mb/s.

Berzoini defendeu um fundo de garantia para infraestrutura de telecomunicações em pequenas cidades; a desoneração tributária para serviços na área rural; a simplificação da tributação setorial; e a modernização do marco legal para aplicação dos fundos setoriais, que hoje vêm sendo contingenciados pelo governo.

Fundos setoriais

Na audiência, diversos deputados reclamaram do contingenciamento dos fundos. Os deputados Jorge Tadeu Mudalen (DEM-SP), relator da comissão especial da Câmara dos Deputados sobre telecomunicações, e Sandro Alex (PPS-PR) defenderam a suspensão da cobrança das taxas relativas aos fundos enquanto eles não forem efetivamente utilizados para investimentos no setor.

Para o ministro, “é natural que os secretários do Tesouro queiram utilizar recursos para compor osuperavit primário”. No entanto, ele defende que o Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (Fust) tenha um conselho curador para estabelecer diretrizes de utilização dos recursos. Segundo ele, o fundo deve ser utilizado para acabar com a exclusão digital.

O deputado José Carlos Araújo (PSD-BA), por sua vez, defendeu que parte do orçamento arrecadado com os fundos setoriais seja direcionada para a modernização da Anatel. Ele disse que os serviços de telefonia fixa e celular estão caros e péssimos, e ressaltou que falta pessoal na Anatel para promover a fiscalização dos serviços. “Sem dinheiro, não tem fiscalização”, afirmou.

Fonte: IG

Compartilhe

Microsoft abrirá sua primeira loja no Brasil em 29 de abril

Agora a Microsoft também terá suas lojas no Brasil. A empresa está remodelando as antigas lojas que levavam a marca Nokia para comercializar todo o portifólio da empresa de software, indo além dos smartphones: também serão oferecidos outros produtos e licenças para os serviços da companhia, como Office 365, Xbox Live e Skype, por exemplo.

São 50 pontos de venda, entre lojas e quiosques, espalhados por 13 estados brasileiros que passarão pela reformulação.

A primeira loja autorizada da Microsoft será aberta na quarta-feira, 29, no Shopping Eldorado, na zona oeste de São Paulo. A empresa promete brindes às 100 primeiras pessoas que comprarem um smartphone Lumia no local. Também será a primeira da América do Sul a carregar a marca.

A companhia também promete uma experiência diferente de compra no varejo utilizando o Kinect. Graças ao sensor de movimento, será possível criar prateleiras inteligentes, algo inédito no Brasil.

Usando a tecnologia, o sensor identifica o interesse do cliente e interage com ele. Por exemplo: quando a pessoa pega algum produto em exposição ou apenas olha para ele, um vídeo explicativo começa a ser exibido em uma tela de TV, que também mostra acessórios compatíveis.

O Kinect também criará um mapa de calor com o movimento da loja, que monitora a circulação dos clientes, o que ajudará os lojistas a otimizar as gôndolas, mostrando qual é o caminho mais comum feito pelos visitantes e quais produtos chamam mais a atenção.

Fonte: Olhar Digital

Compartilhe

15 emoticons do Skype que você não conhecia

31401455313165916

Ao contrário do MSN — o mensageiro instantâneo mais usado no país e que está sendo deixado de lado aos poucos , o Skype não oferece tantos “smiles”, mas os poucos que tem são bastante divertidos. E você sabia que existem emoticons secretos? Descubra abaixo quais são, qual o código para usá-los e os seus respectivos significados:

15 emoticons do Skype que você não conhecia (mooning) — Mostrando a “poupança”.

15 emoticons do Skype que você não conhecia (swear) — Xingando e sendo mal-educado.

15 emoticons do Skype que você não conhecia (rock) — Emoticon Roqueiro.

15 emoticons do Skype que você não conhecia (finger) — Mostrando o dedo do meio.

15 emoticons do Skype que você não conhecia (smoking) — Smiley fumante.

15 emoticons do Skype que você não conhecia (drunk) — Um emoticon que bebeu um pouco demais.

15 emoticons do Skype que você não conhecia (poolparty) — Festa na piscina.

15 emoticons do Skype que você não conhecia (toivo) — Esse emoticon é uma homenagem a um engenheiro do Skype, chamado Toivo, que deixou a companhia.

15 emoticons do Skype que você não conhecia (bandit) — Smiley fora da lei.

15 emoticons do Skype que você não conhecia(headbang) — Irritado, “quebrando” a cabeça.

15 emoticons do Skype que você não conhecia (fubar) — Quando começa a ficar difícil pensar.

15 emoticons do Skype que você não conhecia (tmi) — “Too much information”. Quando alguém fala mais do que deveria.

15 emoticons do Skype que você não conhecia(bug) — Apenas um inseto simpático.

15 emoticons do Skype que você não conhecia (heidy) — Um fofo esquilo nomeado em homenagem a uma funcionária da produção.

15 emoticons do Skype que você não conhecia (myspace) – Logo do MySpace comemorando a parceria entre as empresas.

Bônus: Bandeiras mundiais

O Skype ainda tem mais de 200 bandeiras de diversos lugares do mundo. Para usar, a sequência de códigos é: flag + a abreviação de duas letras do país desejado, tudo entre parênteses. Exemplo: (flag:br).

Fonte: Tecmundo

Compartilhe

Skype está trabalhando com chamadas de vídeo em 3D para sabe lá Odin quando

Mesmo após a ESPN fechar seu canal de esportes em três dimensões e sendo seguida pela BBC (o 2DS não entra nessa conta, o foco dele é para crianças abaixo de sete anos para quem o 3D é nocivo), algumas empresas que não fabricantes de TVs ainda acham que o recurso é atraente para seus usuários, e uma dessas é o Skype.

20130829skype3d

Em entrevista à BBC (o que chega a ser irônico dado a informação mencionada acima), o VP de Skype Mark Gillett disse que a equipe de desenvolvimento está trabalhando numa funcionalidade para realizar vídeo-chamadas em 3D. Entretanto o executivo avisou que apesar da Microsoft deter a recurso, a previsão é de que leve alguns anos para ele ser lançado, principalmente pela limitação técnica.

Fonte: Meio Bit.

Compartilhe

Microsoft anuncia que Skype virá pré-instalado no Windows 8.1. Que comece o mimimi

Isso mesmo, é 1978 (ou seja lá quando a Internet começou) novamente. de um lado usuários que queriam ligar seus computadores e usar os recursos, do outro a União Européia dizendo que a Microsoft estava abusando de seus recursos ao incluir coisas como o Media Player, e mais tarde o Internet Explorer, no Windows.

2013081620130816mimimimicrosoftmalvada_thumb

Isso rendeu situações ridículas como o menu apresentado em versões locais do Windows na Europa, onde na primeira inicialização é oferecida uma LISTA de browsers, em ordem aleatória, para o usuário escolher. Que isso seja confuso pra um grande segmento da população, azar.

Fonte: Meio Bit.

Compartilhe

Skype lança mensagens por vídeo para todos os usuários

O Skype liberou nesta segunda-feira (17) o recurso de mensagens por meio de vídeo para todos os usuários do serviço. Deste modo, é possível enviar um vídeo com uma mensagem gravada para quem não está disponível no momento ou não está conectado no Skype.

sem-titulo-2

O recurso, chamado de Skype Video Message, foi liberado em fevereiro como teste e apenas contas “premium” do Skype podiam usá-lo. A partir desta segunda-feira, todos os usuários do programa podem utilizar o recurso no PC, Mac, iOS e Android.

As mensagens têm no máximo três minutos e não há taxas extras para gravá-las ou enviá-las.

O usuário que quiser enviar uma mensagem em vídeo no Skype deve clicar na opção “Video Message” e gravar o vídeo. Antes de enviar a mensagem é possível visualizar o vídeo e até refazê-lo.

Fonte: G1.

Compartilhe

MSN deixa de funcionar no Brasil na quarta; usuários devem migrar para o Skype

Depois de anunciar o fim do Windows Live Messenger (anteriormente conhecido como MSN) em fevereiro, chegou a hora de a Microsoft aposentar definitivamente o serviço de mensagens instantâneas: ele acaba nesta terça (30) no Brasil.

É o fim do bate-papo on-line mais popular do mundo. A partir de quarta-feira, quem quiser continuar usando a rede da Microsoft para se comunicar deverá migrar para o Skype, adquirido pela empresa por US$ 8,5 bilhões em maio de 2011.

Os usuários que aderirem ao Skype não perderão os contatos do MSN. Para encontrá-los, basta fazer o download da versão 6.0 ou superior do software e entrar com a conta do Messenger. Também será possível unificar ambas as contas em uma só lista.

Desenvolvido pela Microsoft em 1999, o MSN conquistou o público do antigo ICQ, pioneiro das mensagens instantâneas nos anos 90.

Porém, na década passada, o serviço começou a perder usuários especialmente para redes sociais e SMS. Em 2010, tinha 300 milhões de usuários; em fevereiro, o número havia caído para 100 milhões.

Já o Skype tem mais de 280 milhões de usuários. Para a Microsoft, não fazia sentido, após o investimento bilionário feito em 2011, manter dois programas concorrentes.

Além de oferecer as mesmas funções do Messenger, o Skype permite a venda de créditos telefônicos, mais uma fonte de renda para a Microsoft. A companhia também considera as chamadas em vídeo no Skype superiores às do MSN.

Fonte: folha

Compartilhe

Arábia quer controlar mensagens on line no país

A Arábia Saudita confirmou neste domingo, 31, que está tentando controlar o uso local de serviços como o Skype (que permite ligações e troca de mensagens instantâneas usando a internet) e o Whatsapp (aplicativo para celulares que permite troca de mensagens pela internet) e ameaçou tomar “ações apropriadas” se os fornecedores desses serviços não cumprirem as exigências do país.

O anúncio foi feito pela Comissão Saudita de Comunicação, Tecnologia e Informação, logo depois que a imprensa local relatou, citando autoridades não identificadas, que o governo local estava ameaçando bloquear o Skype e outros serviços semelhantes de mensagens on line caso o governo saudita não seja autorizado a monitorar as conversas de alguns usuários.

O movimento reflete o desconforto do governo saudita diante do avanço do uso de mídias sociais e de internet no país como novos meios de comunicação e expressão. Os sauditas estão entre os mais ávidos usuários do twitter e do youtube no mundo, de acordo com levantamentos feitos por essas companhias e por empresas de monitoramento.

“Um bando de velhos estúpidos. Se um aplicativo for bloqueado, outros surgirão”, disse uma usuária identificada por Rana al Mohsen, em um comentário entre muitos feitos pelo twitter sobre o anúncio do governo.

“Você consegue ter uma clara sensação de uma ofensiva iminente”, disse Matthew Reed, analista principal da Informa Telecoms e Media, em Dubai. “Parece ser um assunto relacionado à segurança, ou apenas a preocupação das autoridades sauditas de que há um momento de liberdade de comentários nas redes sociais”.

A Arábia Saudita pediu licença às operadoras móveis que atuam no país para trabalhar com os desenvolvedores de aplicativos para ajustá-los às leis locais, disse o comunicado do governo. No documento não é mencionada nenhuma ameaça de proibição total do Skype ou de outros serviços de internet, conforme divulgado anteriormente pela imprensa local.

skype

As operadoras Saudi Telecom, Mobile Telecommunications, Zain Saudi Arábia e Etihad Etisalat não foram encontradas para comentar o assunto neste domingo. Ligações e e-mails para um representante regional do Skype também não foram respondidos até o fechamento desta matéria.

Um veículo árabe publicado em inglês noticiou neste sábado, usando a fala de autoridades não identificadas, que o país estava considerando pedir aos usuários do twitter que divulgassem os números de seus documentos. Contudo, autoridades locais não comentaram a reportagem. O Grande Mufti, a maior autoridade religiosa do país, referiu-se aos usuários do twitter como “palhaços” no começo deste ano, depois que alguns criticaram autoridades sauditas.

Outros países, incluindo os Emirados Árabes Unidos, já fizeram tentativas de bloquear o Skype, disse Reed. A aplicação frouxa desses bloqueios por parte do governo e a prevalência de redes privadas ou VPN (que permitem acesso remoto), permite que muitos continuem usando o Skype, apesar do bloqueio, acrescentou. “Esses programas têm sido tão amplamente adotados e são tão populares na região que será muito difícil bloqueá-los”, disse Reed.

Fonte: estadao

Compartilhe

Facebook ativa ligações gratuitas pelo Messenger no Brasil

No começo de janeiro o Facebook começou a testar a funcionalidade de ligações entre seus usuários por meio do seu aplicativo Facebook Messenger, disponível para Android e iOS. Essa opção estava disponível para um grupo pequeno de usuários, e todos no Canadá ou nos EUA. Hoje o Facebook ativou as ligações gratuitas para usuários do Brasil.

Ligação gratuita no Facebook: operadoras, tremei?

A informação é de Thiago Hirai, Engenheiro de Software do Facebook que ajudou a desenvolver essa funcionalidade. Segundo um post no seu perfil no site, essa opção foi ativada hoje e está disponível para 95% dos usuários dos aplicativos do Facebook no Brasil.

Para fazer ligações basta selecionar um contato na lista no Facebook Messenger, tocar no ícone ‘i’ no canto superior direito do perfil e selecionar a opção “Free Call”. Essa opção só estará ativa se ambos os usuários tiverem a versão mais recente do Facebook Messenger para iOS ou Android.

Testei a ligação gratuita com alguns amigos e a qualidade de áudio é comparável com a de uma ligação comum pela rede GSM. No caso do aplicativo do iOS, o aviso de ligação recebida é uma notificação comum, como do Skype, e ele age da mesma maneira quando está em segundo plano, exibindo uma barra vermelha na parte superior da tela. O aplicativo permite fazer ligações tanto via WiFi quanto por conexão 3G.

Já faz algum tempo que o Facebook permite ligações de vídeo entre seus usuários pela versão desktop do site, com uma ajudinha do Skype em termos de conexão. Mas é a primeira vez que a opção de ligação de voz gratuita pelo Facebook Messenger está disponível para membros brasileiros da rede social.

Quem quiser testar, pode baixar o Facebook Messenger na iTunes App Store ou no Google Play.

É necessário ter um número de celular cadastrado no perfil do Facebook para que a opção apareça.

Fonte: tecnoblog

Compartilhe